terça-feira, janeiro 10, 2006

Seguir as pegadas

É fácil... É só seguir as pegadas... pegadas na areia... pegadas de outro mundo.... pegadas sobrenaturais.... pegadas do MESTRE JESUS CRISTO.

Apenas temos de colocar os nossos pés dentro de cada pegada que já está marcada, que é maior, muito maior que o espaço que precisamos para colocar os nossos pés... não há erro....

Mas no rasto que vamos deixar, acrescentaremos às pegadas do Mestre algumas marcas de mãos... algumas pegadas ficarão com uma forma diferente....

Porquê?

Serão as tuas e as minhas mãos... as mãos que jogaremos ao chão cada vez que caírmos, para amparar a nossa queda... e as pegadas que estavam marcadas ficarão com uma forma diferente porque vacilámos um bocadinho, perdemos um bocadinho o equilíbrio e não pisámos exactamente naquele espaço largo das pegadas do Mestre.

Mas não faz mal... Sim, não faz mal....

Porque nesses momentos, veremos pegadas serem marcadas fora do caminho, na nossa direcção... pegadas que quebram o caminho que já estava traçado, sempre em frente... Sabes quem é?

É o MESTRE. É Ele... Amorosamente pára, olha para trás porque deixou de sentir a tua respiração nas suas costas... deixou de ouvir os teus sorrisos, o teu cântico... Está parado e não prossegue.... Olha para ti e sorri... SORRI... Então Ele vira-se e vem ter contigo.... ajoelha-se perto de Ti, levanta a tua cabeça, limpa o pó das tuas mãos, da tua roupa, dos teus joelhos e diz: "Vem, vamos continuar, não importa...". Ele pega na tua mão e prossegue, sempre atento ao teu respirar, à tua música, aos teus passos... Atento a tudo!

Meus amados irmãos GV, temos uma promessa do Senhor para nós, para cada um de nós, individualmente e em grupo:

"Mas agora ouve-me, ó povo de Jacob, ó Israel, tu que és o meu servo, o meu escolhido.
Eu, o Senhor, que te fiz e que te formei, e desde o seio materno te auxilio, tenho a dizer-te o seguinte:
"Não tenhas medo, meu servo Jacob, meu querido, meu povo escolhido.
Vou derramar água sobre o que tem sede e fazer correr riachos sobre a terra árida. Vou derramar o meu Espírito sobre os teus filhos e a minha bênção sobre os teus descendentes.
Crescerão como erva junto das fontes, como salgueiros junto de água corrente.
Um dirá: 'Eu sou do Senhor!', um outro reclamará para si o nome de Jacob, outro escreverá na mão: 'Pertenço ao Senhor' e terá orgulho no nome de Israel."
Isaías 44:1-5

A Palavra fala por si ao meu e ao vosso coração. Limitemo-nos a seguir as pegadas.... sabendo que se caírmos no caminho ou apenas vacilarmos, pegadas virão na nossa direcção... não importa...

8 comentários:

Andrea disse...

Olá mana,

gostei muito do que aqui escreveste! Consigo perceber que a tua intimidade com o Senhor vai crescendo, crescendo, crescendo...

Sinto que ao escreveres este artigo estavas sentindo cada palavra, e até arriscaria dizer que em vários momentos as lágrimas apareceram nos teus olhos. A intensidade das nossas vivências passam para as nossas palavras.

Estou grata por o Senhor te ter usado também desta forma, pois o que aqui está escrito tem sido algo que estou a viver com o Senhor desde há alguns dias numa dimensão diferente da que já vivera antes. É muito importante ouvir da boca do nosso Deus "não importa!". Fico feliz porque tu também tens ouvido.


Beijos de quem te ama!

Paula disse...

Olá querida amiga, mana, companheira..... etc... etc... etc...

Mais uma vez é curioso (não arranjo palavra melhor) as vivências semelhantes... ainda q possam ser causadas por motivos diferentes... é algo que me intriga... mas realmente tem um objectivo.

As lágrimas surgiram sim, umas vezes nos olhos, outras vezes no coração... ;)

O nosso Deus que está nos céus e em nós é a ÚNICA COISA QUE PRECISAMOS. E é compassivo, benigno, tardio em irar-se. AMOR. Temos tudo n'Ele e com Ele. Por isso, levantemos-nos como alguém PARA Ele.

Uma vez que o Senhor é assim para connosco, que possamos ser tb como David, que dizia que de noite, quando se deitava, lembrava-se de Deus e durante o dia pensava muito n'Ele (Salmo 63 - para variar hihihi).

Um beijinho muito grande para uma filha que, por sua vontade, não cairia, andaria sempre agarradinha ao Pai, mas uma filha que cada vez mais cai e olha logo para o Pai, pedindo auxílio, porque sabe que as feridas não as pode curar, as roupas... não as pode limpar... e as pernas... não as pode levantar.

E Ele vem e faz isso tudo.

Deus te abençoe muito, mana do meu coração!

Andrea disse...

Querida mana

o versiculo que mencionaste do salmo 63 tem tido um grande impacto em mim nestes ultimos dias! É impressionante como o Senhor tem agido em pormenores que parecem pequenos mas que dão origem a uma maior cumplicidade e intimidade.

Pois, bem que eu gostava de não cair....é verdade, mas como isso é uma realidade da vida nesta terra, que o meu espírito corra para o Senhor assim que eu cair, para que seja restaurada e para que a nossa comunhão se fortaleça!

Obrigada pelas tuas palavras, obrigada pelo teu carinho, obrigada porque és diferente,
obrigada porque posso contar contigo,
obrigada porque te preocupas comigo,
obrigada porque és realmente uma amiga!


Beijos maninha e muitas benção do Paizinho para ti!

Paula disse...

Olá mana,

Sabes o que te digo? Digo que:

"Quero seguir-Te, quero viver como Tu,
Quero seguir-Te, dia após dia.

Que o meu coração seja quebrantado,
Que o meu prazer seja fazer a Tua vontade,
Que o Teu amor flua em minha vida,
Que o Teu perdão alcance até os meus inimigos,

Quero seguir-Te!"

E esta vontade cumprir-se-á nas nossas vidas, porque essa é a vontade do Senhor!

E QUEM PODERÁ IMPEDIR A VONTADE DO SENHOR? Homens? Satanás?

QUEM PODERÁ CONTER O SENHOR DOS EXÉRCITOS? Homens? Satanás?

QUEM PODERÁ CONTEMPLAR A GLÓRIA E O PODER DE DEUS NO SEU SANTUÁRIO (Salmo 63)? Os humildes, os puros... esses verão DEUS!

Eu confio que TUDO o que o nosso coração anseia vai acontecer, e já posso ver pela fé! Porque a fé é isso mesmo, agir como se determinadas coisas fossem já certas e visíveis...

Mana, um abraço doce de alguém que fica feliz por te ter na sua vida. Tu tens VIDA no teu interior. ;)

Cartaxita disse...

Paulinha quero te dizer que as tuas palavras tocam fundo no coração de qualquer um.
E no meu tocou bem fundo, porque as coisas nem sempre correm como desejamos ou queremos, mas é bom levantar os olhos e ver que mesmo falhando o nosso KERIDO MESTRE volta para nos ajudar e suportar nos piores momentos.
Tenho pensado muito neste assunto.
E choro, choro muitas vezes por saber que ao falhar estou a magoar o MESTRE e a faze-Lo chorar tb.
Sinto-me muito triste quando sei que isso acontece, mesmo sabendo que o MESTRE volta para me ajudar a reparar o meu erro.
Obrigada pelas tuas palavras.
Sinto que Deus te usou para me fazer perceber e entender algumas coisas.
Quero aproveitar também para dizer que tou triste comigo mm, pk axo k como amiga dentro do grupo tenho falhado muito. Tou a tentar reparar essa falha com a ajuda do MESTRE.
Um beijo para tds os GVs.
AMO-VOS

Paula disse...

Verinha... oláa.
É bom saber que nos momentos de lágrimas tens levantado os olhos... é sinal que buscas o PAI. O PAI que está ao lado... e sim, Vera, mesmo falhando, o Pai não desiste... simplesmente não desiste... é um amor difícil de compreender, mas é o amor grandioso d'Ele.
As tuas lágrimas estão a ser o reflexo do incómodo que Ele coloca no teu coração, pq o Espírito que está em ti, tem ciúmes, geme, chora... e isso manifesta-se em ti. Que Ele continue a incomodar-te, a revelar-te, mas sobretudo, a ser cada vez mais amado por ti... Ele vai-te dar o que precisas... creio nisso 100%.
Quanto ao grupo e àquilo que te entristece, falando por mim, devo dizer que não sinto que estejas a falhar... vais conseguir encontrar o teu espaço, vais ver... mas sim, gostava de te ver mais connosco, mais perto, mais acessível, mas creio que isso vai acontecer. Como já te disse, estou de braços e coração aberto na tua direcção.

Gosto muito de ti e és muito preciosa para o Senhor.

Beijos.

Anónimo disse...

Queria partilhar com vocês uma imagem que por vezes me ocorre. Por vezes na nossa caminhada, o Nosso Mestre não ajuda só a nos levantar e a dar-nos força para continuar o caminho, por vezes e por algum tempo Ele leva-nos ao seu colo quando não temos mais força para continuar, leva-nos ao colo para restaurar as nossas vidas.

Paula disse...

Olá anónimo, pois é, essa imagem também é bem real... sermos levados ao colo... obrigada por nos fazeres lembrar!